domingo, dezembro 17, 2006

Oficio Da Merda

-
-
a merda tem o oficio de qualificar qualquer palavra,
sentimento, acção ou reacção de merda.
merda é eu querer gritar e não ter voz, rugir como
os animais que rugem e também fazem merda.
merda é o caminho da vida menos hospitaleira, ir na rua
e sem reparar pisar merda. - «que cheiro é este?» -
«põe-te a milhas, cheiras a merda» Ficaria sozinho porque
pisei e cheiro a merda da rua. não a da vida mas a do
caminho que faço para qualquer lado de merda.
e aqueles que sentem o mesmo amor que eu e que, a todo o custo,querem praticar o amor que sentem como eu e que tão ingenuamente
não conseguem? «que merda!» GRITA, GRITA MAIS, BERRA CONTIGO,
GRITA AINDA MAIS: «QUE MERDA!».
-
mas que raio é isto? que raio de merda é esta
a que chamam de Romancismo?
-
-
HUGO SOUSA
17 Dezembro 2006

2 comentários:

O Divagador disse...

hahahaha, CHEIRAS A MERDAAAAA
isso lembra me o sudoeste....

mas iah eu percebo de oficio de merda, tenho um por acaso.
melhor ainda é saber que eu é que sou a merda incomodativa que se pisa e cheira mal, mas ignora-se a mesma!
O QUE VALE É QUE EU NÃO ME CALO CARARALHO!!!

dêm-me um calmante!

InVitro disse...

andas um bocado asneirento pah...mas sim é verdade qualquer merda é merda e é qualificada por uma merdinha qualquer :D*****